22/08/2019

Lisboa, uma bela surpresa: veja o que fazer na capital portuguesa

Os lisboetas, sem falsa modéstia, dizem que as dezenas de ‘miradouros’ (mirantes para os brasileiros) de Lisboa têm boa razão para existir: oferecer aos moradores e visitantes da cidade a oportunidade de admirar toda a beleza da capital lusitana, que é construída sobre sete colinas. Sem exageros, Lisboa surpreende e mostra muitos dos seus encantos vista do alto.

Localizada às margens do Tejo, que desemboca no Oceano Atlântico, Lisboa tem riqueza histórica, vielas encantadoras, transporte eficiente, bons restaurantes e diversidade arquitetônica.

Os bairros mais interessantes são a Baixa, Alfama, Chiado e Bairro Alto, no Centro; Belém, a oeste da cidade, e o Parque das Nações, a leste.

Bairro mais antigo de Lisboa, construído pelos mouros no século 11, Alfama tem ruelas labirínticas e escadarias que cortam o bairro levando ao cais. O monumento que se destaca no bairro é o Castelo de São Jorge, cuja origem remonta ao século 5, de onde é possível ter uma vista espetacular da cidade.

lisboa7

As casas com as fachadas de azulejos, características de Lisboa. Fotos: Tereza Cidade/Marcos Santos

lisboa13

A Praça do Rossio fica próxima ao Cais de Sodré.

lisboa16

Região das docas, com muitos restaurantes e boates.

A Baixa é a área comercial de Lisboa, localizada entre duas praças, a Dom Pedro IV, conhecida como Rossio, e a Praça do Comércio, onde fica o Palácio da Ribeira, hoje sede de ministérios. De lá, chega-se às docas, totalmente restauradas e local de intensa vida noturna, com suas boates e restaurantes. No bairro fica o Elevador de Santa Justa, uma estrutura de ferro de 45 metros de altura, o Mercado da Ribeira e o Cais do Sodré.

Nas vias estreitas do Bairro Alto estão concentradas as famosas casas de Fado, muito frequentadas pelos turistas, e cafés e boates que agitam a vida noturna da cidade. O fado é a música tipicamente portuguesa, inspirada nas canções dos escravos africanos, em melodias árabes e na música folclórica regional, que revela a alma nostálgica do povo lusitano.

O Chiado abriga cafés, galerias de artes, teatros e museus. É lá que fica o famoso café A Brasileira, que era frequentado pelo poeta Fernando Pessoa, hoje imortalizado em uma estátua de bronze na calçada.

lisboa12

A tradicional Pastéis de Belém, casa de chá do século 19 famosa por suas deliciosas tortinhas de nata.

fado

O fado é uma música que revela a nostalgia do povo lusitano. N foto, Celeste Rodrigues, irmã de Amália Rodrigues, no Café Luso, onde Amália (falecida em 1999, aos 79 anos) iniciou a carreira.

lisboa

Torre de Belém, construída no ponto de partida das caravelas portuguesas.

lisboa2

O Padrão dos Descobrimentos, de frente para o rio Tejo, tem a forma de proa de navio.

lisboa3

Porta Sul do Mosteiro dos Jerônimos, obra prima do estilo manuelino, gótico português tardio.

Em Belém é onde estão alguns monumentos que trazem referências mais diretas à descoberta do Brasil. Abriga a Torre de Belém, construída em 1519 e uma obra prima dos estilos gótico e manuelino, ponto de partida das caravelas de Pedro Álvares Cabral; o Padrão dos Descobrimentos, que faz uma homenagem à era das grandes descobertas portuguesas; e o impressionante Mosteiro dos Jerônimos, uma obra prima da arquitetura, onde estão enterrados Vasco da Gama, Luís Camões e Fernando Pessoa, em frente à Praça do Império.

Numa rua próxima ao mosteiro fica a mais conhecida confeitaria de Lisboa, a Pastéis de Belém, casa de chá do século 19 que inventou e até hoje vende suas deliciosas tortinhas de nata.

lisboa11

O design moderno do Parque das Nações.

lisboa3

Pavilhão do Conhecimento.

lisboa8

O Oceanário de Lisboa abriga mais de 25 mil espécimes da flora e fauna aquática.

lisboa9

Entrada do Oceanário.

lisboa5

Parque das Nações com as cores do outono.

 

De qualquer ponto do parque é possível apreciar a beleza da Ponte Vasco da Gama, de 16 quilômetros, que corta o rio Tejo.

 

Como chegar

Manaus tem voos para Lisboa pela TAP, com conexão em Belém na ida. Na volta, o voo é direto.

 

Onde ficar

Não faltam opções de hotéis em Lisboa. Consulte: www.hoteis.com ou www.booking.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *