Campos do Jordão, em São Paulo, gostinho de Suíça sem sair do Brasil

Quer curtir aquele friozinho sem sair do Brasil? Uma excelente opção é a cidade de Campos do Jordão, em São Paulo, conhecida como a ‘suíça brasileira’ por ter uma arquitetura inspirada nas cidades alpinas.

De junho a agosto a cidade fervilha com os turistas vindos, principalmente, da capital paulista e de Minas Gerais. São os meses de inverno, a alta temporada, quando a cidade está no auge, com todas as lojas e restaurantes funcionando e com uma extensa programação cultural.

Com temperaturas que chegam a ficar negativas, Campos do Jordão tem um clima ideal para saborear um chocolate quentinho, comer aquele fondue ou degustar um vinho de qualidade. De quebra, não faltam muitas lojas de roupas de inverno e de souvenirs e muita gente bonita desfilando pelas ruas. A cidade oferece inúmeras opções de passeios, gastronomia e entretenimento.

Fora da alta temporada, muitos restaurantes fecham as portas, mas para compensar os preços ficam mais atraentes.

campos jordao 1

Campos do Jordão tem uma arquitetura inspirada nas cidades dos Alpes suíços, por isso é conhecida como ‘Suíça brasileira’.

campos jordao2

Palácio Boa Vista.

campos jordao

O Pico de Itapeva oferece uma vista privilegiada.

campor jordao4

Lojas no Pico de Itapeva vendem de roupas a produtos típicos.

Principais atrações turísticas:

Ducha de Prata: Em meio à natureza exuberante da serra, no bairro Vila Inglesa, a Ducha de Prata é formada por várias duchas artificiais. Também oferece barraquinhas com produtos artesanais e souvenirs e tirolesa.

Vila Capivari: Centro Turístico com prédios construídos com arquitetura européia, é onde se concentram lojas, restaurantes, barzinhos e pousadas para atender os mais diferentes gostos. Tem muitas lojas que vendem malhas e artigos em lã, chocolates caseiros, artesanato e a tradicional cerveja artesanal.

Palácio Boa Vista: Construída para servir como casa de veraneio do Governador do Estado, é aberta para visitação em determinadas épocas do ano.

Morro do Elefante: É um dos pontos turísticos mais visitados da cidade, que pode ser acessado por teleférico que sai da Vila Capivari ou pela estrada. O cume do Morro do Elefante alcança a altitude de 1.800 metros acima do nível do mar, oferecendo visão panorâmica da cidade. Tem várias barraquinhas de artesanato.

Pico do Itapeva: Uma das vistas mais privilegiadas da Serra da Mantiqueira podem ser apreciadas do Pico do Itapeva.

Do alto de seus 2.030 m de altitude, é possível avistar 15 cidades do Vale do Paraíba. Fica localizado no território da cidade de Pindamonhangaba, mas seu único acesso é pela estrada de asfalto que sai de Campos do Jordão.

Oferece a oportunidade para se comprar doces, artesanatos e roupas em lã e malhas, luvas a preços mais baixos.

capivari

Vila Capivari, a área do agito em Campos do Jordão.

campos jordao3

Café com vista panorâmica ao lado do Palácio Boa Vista.

campor jordao5

Uma bela construção de Campos do Jordão.

Como chegar:

De São Paulo a Campos do Jordão distância é de 167 km, cerca de 2h30 de carro, pela rodovia Carvalho Pinto.

O principal acesso para Campos do Jordão é a SP-123, que inicia no entroncamento da Rodovia Carvalho Pinto / Ayrton Senna, na altura do km 118 da Rodovia Presidente Dutra.

Partindo de São Paulo, o caminho mais fácil e seguro para chegar a Campos do Jordão é seguir pela rodovia Presidente Dutra, sentido Rio de Janeiro, e, na altura do km 118, pegar a SP-123, que inicia no entroncamento da Rodovia Carvalho Pinto / Ayrton Senna, principal rodovia de acesso à cidade. Uma outra alternativa para quem sai de São Paulo é pegar a rodovia Ayrton Senna até Jacareí e, de lá, seguir pela Carvalho Pinto até Quiririm.

 

Onde ficar:

Não faltam opções de hospedagem na cidade, mas não espere preços baixos na alta temporada. O ideal é ficar hospedado próximo a Vila Capivari, área que concentra restaurantes e lojas, mas nesse local as pousadas são mais caras.

 

Onde comer:

Um dos restaurantes mais badalados da cidade é o Baden Baden, que fica bem na área do agito. O forte da casa é a gastronomia alemã, com destaque para o joelho de porco e os embutidos. Não deixe de experimentar a cerveja artesanal Baden Baden.

O La Gália também é uma boa opção com destaque para as carnes.

Para saborear um fondue, o restaurante Só Queijo é uma boa indicação.

One thought on “Campos do Jordão, em São Paulo, gostinho de Suíça sem sair do Brasil”

  1. HOLA SOY DE SANTIAGO DE CHILE, Y QUISIERA ME ENVIARAN UN CONTACTO PARA PREGUNTAR POR ARRIENDO DE UN PUESTO DE ARTESANIA EN TEMPORADA DE MAYO, JUNIO Y JULIO, CON EL PROPÓSITO DE EXHIBIR Y COMERCIALIZAR MIS PRODUCTOS QUE LOS TRAIGO DESDE EL “CAIRO” (EGIPTO).

    AGUARDO SU CONTACTO, DESDE YA MUCHISIMAS GRACIAS!!

    CARLOS AMIGO J.
    +56997890651

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *