Interlaken, porta de entrada para a fantástica Jungfrau e o mirante de Harder Kulm

Os famosos Alpes Suíços.

Pequena cidade dos Alpes Suíços, Interlaken é famosa por suas impressionantes paisagens montanhosas. É um destino de férias muito procurado por turistas e pelos próprios suíços.

Fica entre dois lagos, o Thun e o Brienz, daí o nome da cidade. É cercada por três imponentes montanhas: Eiger, Mönch e Jungfrau. Tem 200km de pistas de esqui e uma excelente rede de trilhas para trekking.

O sucesso como ponto turístico ganhou força após a construção da Ferrovia Oberland Bernês em 1890 e da Ferrovia Jungfrau, em 1912.

Os trens para a região de Jungfrau, passando pelas encantadoras vilas alpinas de Grindelwald e Lauterbrunnen, partem da estação ferroviária Ost, de Interlaken. A cidade também faz parte da rota panorâmica do “Golden Pass”, o trem que sai de Montreux e segue até Lucerne.

Ainda é possível passear pelos lagos Thun e Brienz em um histórico barco a vapor com rodas de pás.

Interlaken é porta de entrada para os Alpes suíços.

Vista de Interlaken na subida para o Harder Kulm.

Ao redor de Interlaken tem vilas alpinas encantadoras.

Mais um pouco das paisagens

Montanhas acima das nuvens.

Paisagens sempre lindas.

O circuito Alpine Sensation, que resgata a história da construção da ferrovia.

A construção da ferrovia retratada de várias formas…

…como nessa imensa bola de vidro.

Esculturas no Palácio de Gelo.

Tetos, paredes e o piso de gelo, que exige muito cuidado para não escorregar.

Jungfraujoch, a cereja do bolo

Interlaken é a porta de entrada para Jungfraujoch, conhecido como o Top of Europe (Topo da Europa). Há mais de 100 anos a estrada de ferro de Jungfrau leva à estação ferroviária mais alta da Europa, a 3.454 metros de altitude, no coração dos Alpes suíços Jungfrau-Aletsch.

Patrimônio mundial da Unesco, a Jungfrau mescla paisagens incríveis com uma infraestrutura que oferece esportes na neve, plataformas de observação, palácio de gelo e outras atrações curiosas. Tem cinema de 360º, restaurantes e lojas.

O trem opera o ano inteiro e a viagem dura 2h10. O percurso é belíssimo. São 9km, em trem de cremalheira, a partir de Kleine Scheidegge, a quase 1.400 metros de altitude. Depois, cerca de sete quilômetros por um túnel de montanha, que sai da estação Eigergletscher. No percurso, duas paradas dentro do túnel permitem vistas espetaculares das geleiras, no lado norte de Eiger.

No final da viagem, no alto da montanha, o visitante tem a seu dispor um mundo feito de gelo, neve e pedras. Há duas plataformas de observação, Sphinx e Plateau, na geleira de Aletsch. Você também pode fazer caminhadas na neve eterna dos Alpes.

No Ice Palace, todo feito de gelo e a 20 metros abaixo da plataforma de observação, há esculturas diversas, mantidas a três graus negativos. Aliás, não importa a época do ano, leve sempre um casaco com você ao visitar a atração.

Tem ainda o circuito Alpine Sensation, que resgata a história da construção da ferrovia, e o Jungfrau Panorama, que apresenta um filme de 360º com toda a riqueza da natureza alpina.

No Parque Snow Fun – Top of Europe, o visitante pode praticar esqui e snowboard. A atração funciona de maio a outubro.

 

Veja mais fotos de Jungfraujoch:

 

Harder Klum, o mirante de Interlaken

Montanha símbolo de Interlaken, o Harder Kulm fica a 1.322 metros de altitude. É acessada por um funicular, que encara 735 metros de subida até o topo, passando por uma floresta.

Do ponto de chegada, em uma rápida caminhada de cinco minutos, o visitante chega a um charmoso restaurante estilo pavilhão, com torres e telhado vermelho. Próximo ao restaurante, há uma plataforma de observação com chão de vidro que se projeta para fora da montanha. É inevitável o friozinho na barriga quando se olha para baixo.

O funicular opera de abril a novembro, em intervalos de 30 minutos. A viagem dura 10 minutos.

O caminho para pegar o funicular para o Harder Kulm tem belas paisagens.

A cor azulada da água que vem do degelo dos alpes.

Estação do funicular para o Harder Kulm

O Harder Kulm fica a 1.322 metros de altitude.

O funicular que leva ao Harder Kulm.

O restaurante em estilo pavilhão.

Vista do alto do Harder Klum

O mirante se projeta sobre a encosta e tem um pedaço de chão de vidro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *