Palacete Provincial reúne os principais museus de Manaus

O Palacete Provincial, prédio histórico no Centro de Manaus. Fotos: Tereza Cidade

Como espaço de exposições, o Palacete Provincial existe há nove anos, mas seu prédio é um dos antigos de Manaus (1861). Localizado na Praça Heliodoro Balbi (Praça da Polícia), no Centro, é considerado um dos mais importantes prédios históricos de Manaus. Ele foi inaugurado em 1875 e durante mais de 100 anos funcionou como quartel da Polícia Militar. Suas características arquitetônicas são inspiradas nos estilos que predominavam na Europa na segunda metade do século 19.

Completamente restaurado, desde 2009 o espaço abriga seis salas de visitação: Pinacoteca do Estado, Exposição Esculturas do Mundo, Museu Tiradentes, Museu da Imagem e do Som do Amazonas (MISAM), Sala de Arqueologia e Museu de Numismática Bernardo Ramos. Recebe, ainda, exposições temporárias e atividades culturais.

Também é o local de trabalho dos restauradores de obras de arte, onde o visitante não tem acesso. No térreo, há uma lanchonete chamada Café do Pina.

 

Pinacoteca do Estado

Na Pinacoteca do Estado, são mais de 200 obras, entre pinturas, fotografias, gravuras e esculturas. O espaço é amplo e o visitante conta com apoio de um guia, caso queira obter informações. Ainda assim, em cada obra há informações sobre o autor, ano e o título. A maioria das obras é de autoria de artistas do Amazonas, cujos temas se concentram na realidade e na paisagem amazônica.

Manaus possui alguns importantes nomes das artes plásticas do Brasil. Entre os mais representativos estão Hahnemann Bacelar, Manoel Santiago, Sérgio Cardoso, Jair Jacqmont, Otoni Mesquita e Bernadete Andrade. Nomes que fazem parte de diferentes gerações das artes plásticas do Estado. 

A maioria das obras da Pinacoteca do Estado é de autoria de artistas do Amazonas.

Réplica da obra Vitória de Samotrácia, que está exposta no Museu do Louvre, em Paris.

A Exposição Esculturas do Mundo reúne réplicas de obras expostas em diferentes museus do mundo.

 

Exposição Esculturas do Mundo

A Exposição Esculturas do Mundo é um dos espaços mais interessantes do Palacete, fica na entrada do Museu Tiradentes. Reúne réplicas de obras de diferentes museus do mundo, devidamente autenticadas. São 31 objetos da pré-história, da Grécia Antiga, do Egito Antigo e da Renascença. Belas peças que fazem o visitante viajar no tempo.

 

Museu Tiradentes

O Palacete tem um espaço especial para a história da Corporação Militar que ocupou originalmente o prédio. Armamentos, fardamentos, equipamentos e até mobílias de época integram a sala do Museu Tiradentes. O visitante pode, se preferir, assistir também eventos cívicos de décadas passadas, como paradas do Dia da Independência (7 de Setembro), em pequenos televisores.

Entre o mobiliário, armadura originária da França medieval, panóplia de armas em ferro comprada em Paris e móveis em estilo manuelino

Móveis de estilo manuelino expostos no Museu Tiradentes.

Gabinete do Comandante da Polícia Militar, como era em 1895.

As armaduras e panóplias de armas.

Exposição de peças e fotos e de eventos cívicos.

 

Museu da Imagem e do Som

No Museu da Imagem e do Som fica exposto um rico acervo de objetos fonográficos e antiguidades. Há máquinas fotográficas, revistas, aparelhos de som, discos, filmes. Na coleção da Dvdoteca, o visitante pode escolher a música ou filme e ouvir/assistir gratuitamente. Tem a primeira máquina de projeção de filmes usada em Manaus.

O museu foi criado em 2001 pelo Governo do Estado.

 

Sala de Arqueologia

A Sala de Arqueologia reúne material e fragmentos de objetos encontrados na região, a maioria na área próxima de Manaus. Há também uma exposição itinerante de objetos coletados de alunos de Arqueologia da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

 

Museu de Numismática Bernardo Ramos

O Museu de Numismática é o mais antigo em funcionamento no Estado. Reúne uma coleção de moedas de períodos antigos, resultado do trabalho do colecionador, político e pesquisador Bernardo Ramos. Há, inclusive, moedas do período colonial do Brasil, do Império e do início da República.

O acervo vem sendo atualizado desde 1997. Hoje são mais de 13 mil peças, que incluem moedas, cédulas, medalhas e condecorações.

Máquinas fotográficas antigas adquiridas do colecionador italiano Eugênio Barbera.

Primeira máquina de projeção de filmes usada em Manaus.

Uma das mais antigas máquinas fotográficas.

Exposição de máquinas fotográficas de vários modelos e épocas.

O Museu de Numismática tem um acervo de mais de 13 mil peças.

Uma das curiosidades do museu: a segunda menor moeda do mundo.

Moeda de ouro do Brasil Império

Várias cédulas brasileiras.

 

Serviço:

Palacete Provincial

Endereço: Praça Heliodoro Balbi, s/n – Centro

Telefone: 3631-6047

Funcionamento: Terça a quinta, das 9h às 19h / Sexta e sábado, das 9h às 20h

Entrada gratuita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *