16/09/2019

Hotel será inaugurado no centro histórico de Manaus este ano

 

Novo hotel Juma Ópera em Manaus

O Hotel Juma Ópera está localizado ao lado do Teatro Amazonas, principal ponto turístico de Manaus. Foto: Reprodução

Manaus tem se consagrado como um dos principais destinos turísticos do Brasil, não só por ser porta de entrada para quem deseja se aventurar pela Amazônia, mas também pela rica cultura regional, que reúne aspectos tradicionais do folclore brasileiro, como o “Boi-Bumbá”. Para atender essa demanda, o setor hoteleiro da cidade tem crescido, com novas opções para todos os estilos de viajantes.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Booking.com

Dos mesmos proprietários do hotel de selva Juma Amazon Lodge, que já conta com 20 anos de existência, o Juma Ópera será inaugurado no mesmo ano em que a capital do maior estado brasileiro completa o seu 350º aniversário.

O novo hotel-boutique de alto padrão ocupará um casarão histórico em frente ao majestoso Teatro Amazonas, contando com 41 apartamentos, restaurante dedicado à cozinha regional e internacional e rooftop com piscina. O projeto leva a assinatura do arquiteto Roberto Vinograd, que teve o cuidado de preservar o edifício tombado, até mesmo na estrutura da nova ala acoplada, que terá a mesma concepção arquitetônica da original.

Perspectiva de vista do restaurante do hotel, ao lado do Teatro Amazonas. Foto: Reprodução

10 thoughts on “Hotel será inaugurado no centro histórico de Manaus este ano”

  1. Ariovaldo Rodrigues de Almeida. disse:

    PARABÉNS
    Por esse novo empreendimento.
    Muito sucesso.
    Um grande abraço a todos envolvidos .

  2. Rui de Sá Barbosa disse:

    Achei o projeto muito bonito, só acho o local nenhum pouco positivo, pois o nosso centro da cidade é muito perigoso principalmente a noite. Faço votos que de certo pois tenho certeza que o investimento será grande. Isso sem falar nos assaltantes travestidos de guardadores de carros. Desejo muito sucesso.

  3. mimico netto disse:

    É dessa maneira que Turismo deve caminhar, lado a lado, para fortalecer, sempre, a ZFM, NUNCA, para substituí-la.

  4. Geraldo Mello disse:

    Enfim renascer o centro histórico de Manaus

  5. Astrid disse:

    Concordo Rui. Nosso Centro não é o mesmo, principalmente à noite. Outro detalhe importante é quanto aos preços dos restaurantes e dos hotéis, caríssimos, logo, não se conservam por longo tempo, fechando as portas. Esse alto luxo, deve ser regado por coisas mais acessíveis, simples, onde as pessoas possam usufruir com cuidados. Tudo muito chique logo fecha. Vamos com calma, alto luxo não se sustenta.

  6. Astrid disse:

    Morei neste local quando criança. Vivi momentos maravilhosos. Infância magnífica aí. Primos, tios, família, casa cheia.

  7. Anderson disse:

    Mas me digam… Qual bairro de Manaus é seguro a noite?
    Ponta Negra não é segura.
    Adrianópolis não é seguro.
    Vieiralves não é seguro.
    Av Djalma Batista não é segura a noite.

    Não existe bairro seguro a noite em Manaus.

    RESPOSTA
    Acho que não existe bairro seguro à noite em nenhuma capital brasileira.

  8. Todos os lugares estão perigosos

  9. MARIA EUGENIA PRADA disse:

    CONGRATS ROBERTO VINOGRAD !!!!
    SUCESSO !!!!

  10. Ana disse:

    O Centro da cidade tem renascido nos últimos anos, principalmente as áreas próximas ao teatro, são áreas com grande fluxo de pessoas passeando, com a família, afinal o nosso teatro tem uma vasta programação mensal. Passando essa segurança aos visitantes, afinal é uma área bem ocupada. Naquele quarteirão então, temos diversos restaurantes bons. É lindo ver o quanto o centro está mais bonito nos últimos anos e com cada empreendimento desses, o Vila Amazônia é só um exemplo de como esse tipo de empreendimento têm se sustentado. Ansiosa pra ver essa belezura funcionando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Booking.com