16/07/2024

“O Contractador dos Diamantes” abre o 25º Festival Amazonas de Ópera

“O Contractador dos Diamantes” abre o 25º Festival Amazonas de Ópera

O Festival Amazonas de Ópera começa nesta sexta-feira (21), com “O Contactador dos Diamantes”, de Francisco Mignone. Fotos: Marcio James/Divulgação

As cortinas do Teatro Amazonas se abrem nesta sexta-feira (21/04), para a temporada operística que segue um calendário de mais de 30 dias de programação com obras de repertório lírico, concertos, recitais e musicais. A estreia, marcada pela grandiosidade da ópera “O Contactador dos Diamantes”, de Francisco Mignone, tem início às 20h. Os ingressos ainda podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro Amazonas ou no www.shopingressos.com.br.

A primeira ópera do festival traz diferenciais, começando pelo maior cenário já montado em todas as edições, que chega a sete metros de altura. Produzido na Central Técnica de Produção (CTP) com mão de obra local. A estrutura de grandes torres de ferro, madeira e gradis preenche a totalidade do palco do teatro. A obra também recebeu atenção especial em relação às partituras. Com poucas referências encontradas, desde a última apresentação na década de 50, no Rio de Janeiro, o Festival Amazonas de Ópera firmou parceria com a Academia Brasileira de Música para restaurar as partituras, criando uma versão exclusiva para a obra de Mignone.

Sinopse

Ópera romântica “O Contractador dos Diamantes” foi um dos marcos do movimento modernista, misturando traços do período romântico com a linguagem brasileira e moderna de Francisco Mignone. Conta um recorte da vida de Felisberto Caldeira, célebre político, militar e diplomata brasileiro e da relação entre sua filha e Luís Camacho.

A montagem amazonense tem a participação dos corpos artísticos do estado: Amazonas Filarmônica, com regência de Luiz Fernando Malheiro; Corpo de Dança do Amazonas e do Coral do Amazonas.

Homenagem a Maria Callas

No sábado (22/04), às 20h, o 25º FAO recebe o recital em homenagem ao centenário de nascimento da mais célebre cantora de ópera do século 20, a greco-americana Maria Callas. A entrada é gratuita.

O recital, com entrada gratuita, tem duração de duas horas, e apresenta trechos de óperas que marcaram a carreira da soprano, interpretados por grandes nomes do canto lírico brasileiro. Ao piano, o maestro Marcelo de Jesus, especialista em Callas e bel-canto, irá acompanhar os solistas.

“Maria Callas é sinônimo da arte máxima do canto lírico. Suas interpretações são instigantes, nos fazem mergulhar em um mar de cores. Sua grande diferença está no declamar os textos das óperas, que vem da arte do declamato da chamada velha escola”, ressalta Marcelo de Jesus.

De acordo com o maestro, Maria Callas é a verdadeira “soprano absoluta”. “Ela assumiu papéis de soprano lírico, coloratura e dramático, também cantou como mezzo-soprano. E essa diversidade se encontra no recital Maria Callas do 25º Festival Amazonas de Ópera”, define.

Na noite do recital, o hall do Teatro Amazonas irá receber uma exposição em homenagem a Callas. Segundo o maestro, são objetos de seu acervo pessoal, que reúne livros, fotos, cartas, quadros, CDs, DVDs e discos em vinil, que trazem momentos memoráveis da diva do canto lírico.

25º FAO e títulos

Na temporada 2023, o festival traz quatro grandes títulos serão apresentados no Teatro Amazonas: “O Contractador dos Diamantes”, de Francisco Mignone; “Anna Bolena”, de Gaetano Donizetti; “Piedade”, de João Guilherme Ripper, e a remontagem de “Peter Grimes”, de Benjamin Britten. Para informações sobre dias e horários das obras, acesse @teatroamazonas. Os ingressos estão à venda na bilheteria do Teatro Amazonas ou no shopingressos.com.br .

A ópera romântica “O Contractador dos Diamantes” foi um dos marcos do movimento modernista.

O maior da América Latina

O festival é uma realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e da Agência Amazonense de Desenvolvimento Cultural (AADC), com patrocínio master do Bradesco e apoio cultural do Grupo Atem, além da aprovação na Lei de Incentivo à Cultura. Segundo o secretário da pasta de cultura, Marcos Apolo Muniz, o festival completa um quarto de década, ocupando uma posição privilegiada no cenário da música lírica do Brasil.

“O Festival Amazonas de Ópera é considerado o maior do gênero na América Latina, uma vitrine cultural do estado. Um espaço conquistado, resultado de muito trabalho e do talento dos nossos corpos artísticos, do corpo técnico que está sempre se atualizando e trazendo novidades a cada edição”, revela o secretário. “O festival formou uma classe artística especializada em ópera no estado, vem renovando o segmento com novos músicos, cantores e se tornou uma referência no país”, completa Apolo, ressaltando que a produção amazonense, cenário e figurino, serão levados para a turnê de “O Contractador dos Diamantes”, no Theatro Municipal de São Paulo, graças ao termo de co-produção firmado entre o festival e o teatro paulista.

Vai viajar?

Reserve seu hotel agora no booking.com. Em alguns casos, a sua reserva pode ser cancelável (Confira as regras) - CLIQUE AQUI

Aluguel de carros no Brasil e no exterior - CLIQUE AQUI

Passagens aéreas e pacotes para sua viagem - CLIQUE AQUI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *